A expansão dos dispositivos portáteis e vestíveis para monitoramento de pacientes

A expansão dos dispositivos portáteis e vestíveis para monitoramento de pacientes

O monitoramento remoto de pacientes na área de saúde deverá aumentar significativamente. Segundo a ABI Research os fornecedores desse mercado estão mais conscientes dos benefícios que a tecnologia poderá trazer e o interesse crescente no uso dessas ferramentas o que deverá levar a 100 milhões de dispositivos portáteis e vestíveis em cinco anos. Outro instituto de pesquisa, o Berg Insight, acredita que em 2018 haverá 19,1 milhões de pessoas sendo monitoradas em casa por esses dispositivos.

Para a ABI Research, a adoção de outras tecnologias, como computação em nuvem, colaboram para essa expansão. “As novas plataformas de nuvem, capazes de coletar dados de uma variedade de dispositivos de fornecedores e compartilhá-los com segurança a uma série de partes relacionadas, incluindo pacientes, profissionais de saúde, e os contribuintes, vão impulsionar a adoção e trazer mais dispositivos conectados ao mercado”, disse o analista da empresa Jonathan Collins.

A consultoria havia informado no início do ano que os dispositivos de saúde e fitness impulsionariam o mercado de terminais portáteis este ano. Em 2013, os terminais vestíveis de saúde chegaram a aproximadamente 13 milhões no ano passado mas podem alcançar 22 milhões este ano e 34 milhões em 2015. Quando se soma fitness e saúde, de 32 milhões de equipamentos no ano passado, a previsão é de 42 milhões em 2014 e 57 milhões no próximo ano.

Com o mercado mais promissor, também aumenta o interesse dos fornecedores nas receitas advindas dessa área. A Bergh Insight projeta que o segmento de monitoramento remoto de pacientes, que foram de US$ 5,8 bilhões no ano passado, podem atingir US$ 26,4 bilhões em quatro anos.

Alguns lançamentos importantes para essa área estão sendo aguardados e podem ampliar o uso desses dispositivos. Entre eles o HealthKit, da Apple, que estaria para ser apresentado oficialmente ao mercado. A empresa já fechou diversas parcerias nessa área, incluindo a RSE, fornecedora de sistemas ópticos. A Samsung e a LG também tem apresentado sua linha de produtos para a área médica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha: *
Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.