Uso de dados de clientes para campanhas de marketing rende multa de US$ 7,4 milhões para a Verizon

Uso de dados de clientes para campanhas de marketing rende multa de US$ 7,4 milhões para a Verizon

A operadora norte-americana Verizon recebeu uma multa de US$ 7,4 milhões por não ter notificado adequadamente  clientes de seus direitos de privacidade antes de usar suas informações para estratégias de marketing. A punição foi estipulada pela FCC (Federal Communications Commission), cuja investigação apurou que desde 2006 cerca de 2 milhões de novos assinantes da empresa foram atingidos por essa falha.

Essa foi a maior multa aplicada pelo órgão para casos de privacidade e se refere à falta de avisos opt-out (regras de envio de mensagens que definem que é permitido mandar e-mails comerciais/spam e prevêem um mecanismo para que o destinatário possa parar de receber as mensagens) para clientes de telefonia fixa. A Verizon é acusada de ter recolhido e se beneficiados de informações detalhadas dos hábitos dos assinantes, suas chamadas mais frequentes assim como localização geográfica sempre que realizavam uma ligação para utilizar em campanhas de marketing.

“É claramente inaceitável para qualquer empresa de telefonia usar as informações pessoais de seus clientes para milhares de campanhas de marketing sem sequer dar-lhes a opção de opt-out”, disse em comunicado Travis LeBlanc, chefe da FCC Enforcement Bureau.

Em geral, as operadoras não têm permissão para usar os dados pessoais de seus clientes para marketing ou comercialização dos dados a não ser que obtenham as autorizações dos consumidores. Segundo o porta-voz da companhia, não houve violação de dados ou divulgação não autorizada de informações dos clientes a terceiros. De acordo com a empresa, depois de descoberto o problema com os avisos não enviados várias medidas foram implantadas para corrigí-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha: *
Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.