Juniper lança versão virtualizada de sua linha de roteadores

No primeiro trimestre deste ano, a Juniper dá início à comercialização da versão virtualizada de sua linha de roteadores da Série MX 3D Universal Edge, o Virtual MX (vMX). Segundo a empresa, vom tecnologia baseada em software o vMX é primeiro roteador carrier-grade virtualizado da indústria, otimizado para ambiente x86 que lança novos serviços e responde às necessidades de crescimento de rede com rapidez e simplicidade.

Mantendo as mesmas funcionalidades dos modelos físicos, o vMX traz o desempenho e confiabilidade de um MX para os ambientes em nuvem. De acordo com a Juniper, ele permite que um roteamento carrier-grade possa ser implantado tão rapidamente quanto é feito o spin up de uma máquina virtual,dimensionada elasticamente e, se necessário, pode-se ainda migrar para uma plataforma física da série MX para atendimento a grandes volumes.

“A AT&T está testando o VMx para sua arquitetura de SDN. Com ritmo acelerado para atender as crescentes demandas de nossos clientes, a inovação em nossa indústria precisa mudar de uma visão centrada em hardware, para centrada em software, pois as redes devem ser mais flexíveis na nuvem. A iniciativa AT&T’s domains 2.0 já incorpora esta nova visão e atuação”, comentou Susan Johnson, vice-presidente sênior da Cadeia de Suprimentos Global, AT & T.

O conjunto completo de funcionalidades dos roteadores físicos da Série MX é suportado em servidores x86: o vMX roda como software em servidores x86. Provedores de Serviço e Empresas podem rapidamente implantar os serviços de roteamento com as mesmas facilidades encontradas nos roteadores MX. Também permite explorar novas formas de criação de serviços e modelos de entrega, reduzindo os riscos e custos associados ao lançamento de serviços criados por uma plataforma centrada em hardware.

O vMX opera sobre o Junos OS e suporta os mesmos recursos do chipset Junos Trio programável, integrante do portfólio de roteadores da Série MX. Assim, não há necessidade de treinamento adicional para aqueles que já operam os roteadores da Série MX. O produto também pode ser orquestrado pelo Contrail e OpenStack e gerenciado pelo Junos Space.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha: *
Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.