Aumento de demanda global por redes digitais favorece exportações da RAD Brasil

Aumento de demanda global por redes digitais favorece exportações da RAD Brasil

A fábrica da RAD Brasil, localizada em Nova Lima, MG, está trabalhando a todo vapor. As exportações tiveram um aumento de 150% nos últimos meses influenciadas por dois fatores, o câmbio favorável ao mercado externo e o aumento da demanda global de equipamentos produzidos pela empresa que sobrecarregou as principais unidades fabris da companhia, em Israel e China. A América Latina também ganha espaço na sua estratégia, principalmente com contrato multimilionário em Carrier Ethernet com uma grande operadora no México

“A nossa fábrica já era base de exportações para o Mercosul e, agora, estamos exportando para outros países da Europa e Ásia”, disse Valter Teixeira, diretor geral. Entre os itens de exportação estão comutadores para comunicação de próxima geração (Carrier Ethernet – CE 2.0), que atende a processos de modernização de redes em diversos mercados, como teles, elétricas, transportes e outros.

Atualmente, a empresa tem uma média de produção de seis mil unidades em sua fábrica. Para atender à ampliação da demanda, ela tem investido na qualificação para testes dos equipamentos em novos mercados. A companhia investe mundialmente 4% do seu faturamento em P&D. Sem revelar o resultado do Brasil, Teixeira garante que esse percentual tem sido obedecido também no mercado local. A receita global no ano passado foi de US$ 1,2 bilhão e a América Latina, onde o Brasil era o maior mercado até o contrato no México, responde por 25%.

A RAD não informa o nome da operadora que adquiriu sua solução de acesso com garantia de serviços, SAA (Service Assured Acess) em contrato milionário que será implementado ainda este final de semestre. Mas, ao que tudo indica, seu cliente com sede no México e atuação em toda a região é a América Móvil que, no Brasil, controla a Claro, Embratel e NET. O valor do acordo também não foi divulgado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha: *
Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.