GlaxoSmithKline e Qualcomm podem formar joint venture para tecnologia médica

GlaxoSmithKline e Qualcomm podem formar joint venture para tecnologia médica

São fortes os rumores de que a GlaxoSmithKline está em negociações com a Qualcomm para a criação de uma nova joint venture para desenvolver tecnologia médica. Segundo agências de notícias internacionais, essa nova empresa poderá nascer com o valor de mercado de até US$ 1 bilhão.A Qualcomm já anunciou importantes parcerias nessa área, como as realizadas com a Roche e a Novartis e a GSK tem demonstrado grande interesse nesse mercado.

O acordo da Qualcomm com  Novartis foi anunciado durante a CES 2015, em Las Vegs, e envolvia o uso da plataforma 2net da Qualcomm Life e vários dispositivos conectados que fariam parte de testes clínicos. O primeiro teste avaliou o uso de dispositivos móveis para os pacientes com doenças pulmonares crônicas.As duas empresas, com apoio do JP Morgan, criaram um fundo de US$ 100 milhões para desenvolvimento de novas tecnologias.

Este ano, as duas empresas voltaram a anunciar a busca de novas soluções digitais, dessa vez ligada ao inalador da Novartis, Breezhaler, para pessoas que têm DPOC. Especificamente, a Qualcomm Life  vai desenvolver o design de referência para o módulo que vai ligar o Breezhaler para a plataforma 2net, permitindo a coleta de dados sobre o uso do inalador, incluindo a duração da inalação do paciente.

A GSK, por sua vez, também tem anunciado investimentos em tecnologias digitais. Em 2014, trabalhou com a Medidata e os fabricantes de sensores Vital Connect e Actigraph para avaliar o uso de dispositivos em pesquisas clínicas. A empresa também obteve uma boa posição no relatório Research2Guidance sobre aplicativos de empresas farmacêuticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha: *
Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.