Investimentos dos bancos em TI retornam ao patamar de 2012

Investimentos dos bancos em TI retornam ao patamar de 2012

No ano passado, os bancos diminuíram seus investimentos na área de TI. Foram aplicados R$ 19,2 bilhões contra um total de R$ 21 bilhões em 2014. Com isso, retornaram ao mesmo patamar dos valores aplicados em 2012. Mesmo assim, a área financeira mantém o mesmo percentual global dos investimentos e despesas feitas em tecnologia da informação, respondendo por 13% dos recursos nessa área.

Segundo a pesquisa Febraban de Tecnologia Bancária 2015, realizada pela Delloite e divulgada hoje, os investimentos em software representaram a maior parte dos recursos, com 44%. Em seguida estão hardware, com 35% e telecom com 20%. Na verdade, as despesas com software ficaram maiores, com gastos de R$ 14 bilhões no ano contra R$ 13 bilhões em 2014.

Segundo o levantamento, no mundo inteiro houve uma queda nos investimentos financeiros em tecnologia bancária. Em 2014, foram gastos mundialmente US$ 362 bilhões nessa área enquanto no ano passado esse valor foi de US$ 351 milhões.

O setor bancário continua dominante na aplicações de recursos em tecnologia, com 13%, em segundo lugar depois de governo, que responde por 14%. Na terceira colocação está o setor de telecomunicações, com 7%. Esse mesmo percentual, 13%, representa os investimentos e as despesas com tecnologia dos bancos em todo o mundo.

Na comparação dos gastos de tecnologia dos bancos em relação ao PIB, o Brasil fica na sétima posição considerando as 10 maiores economias, com um índice de 3,7. Em primeiro lugar está o Reino Unido, com índice de 8,2 seguido dos Estados Unidos, com 7,2%. Entre os países do Brics, o mercado brasileiro tem a primeira posição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha: *
Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.